Manutenção de motores de aeronaves: como funciona este trabalho?

Uma das coisas que permite que um avião voe por vários quilômetros em grandes altitudes é o seu motor, que gera energia para movimentar uma máquina de toneladas pelos céus. E uma das coisas que torna isso possível é a manutenção de motores de aeronaves.

Em um post anterior explicamos como trabalha a turbina do avião para fazer com que estes pássaros de ferro levantem voo. É realmente uma obra incrível de engenharia mecânica. São diversas peças, engrenagens e itens trabalhando em perfeita harmonia.

Mas para que isso seja possível, uma figura é fundamental na aviação: o mecânico de aeronaves. É ele que garante o perfeito funcionamento de todos os itens de um avião, tornando o setor aéreo um dos mais seguros do mundo.

A seguir, vamos explicar como funciona a manutenção de motores de aeronaves e algumas curiosidades e detalhes desse trabalho tão instigante.

Como se inicia a manutenção de motores de aeronaves?

A manutenção de motores de aeronaves funciona em forma de linha de montagem, onde as peças vão passando por diversas etapas.

Um motor pode ir para manutenção por conta de uma condição já esperada, como o tempo de vida excedido, número de horas de voo já ultrapassadas, o que é normal, esperado e programado para determinados componentes.

A manutenção de motores de aeronaves pode ser feita também por conta de uma condição inesperada, algo notado pelo piloto, tripulante ou algum mecânico nos hangares do aeroporto, sendo assim, solicitada uma análise mais profunda e um possível reparo.

manutenção de aeronaves
Fonte da Imagem: Google

Quando um motor chega a uma oficina especializada, é feita uma inspeção de chegada, que dura aproximadamente 15 minutos, pra ver se está tudo no lugar, se não houve nenhum dano no transporte e para que, então, a peça possa ir para uma análise mais detalhada e para o processo de desmontagem.

Desmontagem do motor

Um motor é composto por alguns módulos, que podem ser divididos em submódulos, que possuem diversas peças e engrenagens. Por isso, logo ao chegar é feita a desmontagem, identificando onde estão os problemas relatados e, juntamente a isso, é feita uma catalogação e identificação completa das peças deste motor para que nada se perca e a peça de um motor vá parar em outro. Tudo é extremante organizado!

Este processo de manutenção de motores de aeronaves é muito meticuloso e pode demorar mais de um dia para que o trabalho seja feito por completo, visto que é necessário tirar peças pequenas e que necessitam de ferramentas específicas para tal trabalho.

Mecânico de manutenção de Aeronaves
Fonte da Imagem: Google

Limpeza

Após a desmontagem as peças são levadas para a limpeza, que é feita para poder identificar melhor a situação da peça, descobrir algum defeito aparente e facilitar sua reparação.

Após esse processo a peça é analisada e pode seguir três destinos diferentes: Pode voltar para a aeronave, se estiver tudo dentro da normalidade. Pode seguir para a manutenção ou pode ir para a sucata, caso não haja mais possibilidade de reparo.

No processo de manutenção de motores de aeronaves é feito uma limpeza química, que serve para tirar a sujeira, mas também para retirar uma camada protetiva que existe em algumas peças. Essa camada é retirada para a manutenção e recolocada depois que a peça foi reparada. Algumas, por exemplo, recebem ao fim do reparo uma camada de níquel, prata ou cromo, que garante a sua durabilidade e resistência.

limpeza de aeronaves
Fonte da Imagem: Google

Manutenção e reparo do motor

Após passar pelo processo de limpeza o motor vai para a área de manutenção. Lá existem áreas para reparos rápidos e outras onde são feitas manutenções profundas, onde é necessário desmontar o motor e seus módulos, e se inicia um processo meticuloso que envolve diversas etapas, ferramentas e máquinas.

Quando falamos que o processo de manutenção de motores de aeronaves é meticuloso, não é exagero. O processo total de reparo desse item pode levar até 90 dias.

Nesta etapa são feitas diversas inspeções visuais, se necessário são usados equipamentos para identificação de danos não aparentes e, então, a peça é enviada para o setor responsável.

Existem diversos instrumentos que servem para ajustas as peças milimetricamente. Além disso, cada peça tem um trabalho específico a ser feito, mesmo que sejam iguais. O desgaste pode ser diferente e, portanto, o reparo a ser feito também será.

Depois que os danos são identificados e reparados, a peça volta para a limpeza, como citamos anteriormente, para receber uma nova limpeza e as camadas protetivas, caso necessário.

A manutenção de motores de aeronaves é finalizada com a remontagem completa e a devolução para o cliente.

Quer trabalhar com manutenção de aeronaves?

Se você é apaixonado por aviões e tem vontade de trabalhar com manutenção de aeronaves, aproveite para se matricular no curso de mecânico de aeronaves da AEROTD. Você pode fazer aulas a distância, de qualquer lugar do país e participar de aulas práticas em diversos parceiros espalhados pelo Brasil.

Aproveite esta oportunidade de conhecer como funciona um avião e decolar seu futuro!

Fontes:

https://www.youtube.com/watch?v=9jP5NhqJ2bk

https://www.youtube.com/watch?v=CXikesuW9M4

Guilherme Santos é especialista em criação de conteúdo e marketing digital.
Trabalha como escritor freelancer e é apaixonado pela aviação desde o seu primeiro voo de Cesna no Flight Simulator 98.

Facebooktwitteryoutubeinstagram

Deixe uma resposta