Tecnologia no transporte aéreo no Brasil: EMBRAER fecha acordo para produzir aeronaves elétricas

Há alguns meses o setor de aviação civil vem tendo crescimentos expressivos e ótimas notícias que indicam um “céu de brigadeiro” à frente. Uma destas notícias envolve a produção de aeronaves elétricas, adotando tecnologias de ponta para impulsionar o setor.

Recentemente tivemos também a notícia de que a redução do ICMS no preço dos combustíveis poderia criar até 490 novos voos semanais no país. Isso significa mais demanda, mais facilidade de locomoção para os passageiros, mais vagas e oportunidades sendo geradas e o crescimento da economia.

A mais recente notícia, confirmando a produção de aeronaves elétricas pela Embraer, anima ainda mais aqueles que fazem parte deste setor e quem está pensando em iniciar nesta carreira.

Produção de aeronaves elétricas abrirá mais oportunidades para o setor

Uma notícia recente confirmou que a Embraer e a WEG farão uma parceria para o desenvolvimento de aeronaves elétricas. Isso acontece alguns meses após a Embraer ser vendida para a Boeing, confirmando o interesse da gigante da aviação de adquirir o ativo da estatal brasileira para transformá-la em uma líder nesse segmento.

Dessa forma podemos ter nos próximos anos um grande desenvolvimento da Embraer no ramo de engenharia aeronáutica, através da utilização do seu corpo técnico, seu principal patrimônio, para atuar na próxima revolução tecnológica da aviação: o desenvolvimento de drones e a aeronaves elétricas.

Para começar essa empreitada ela escolhe uma excelente parceira: a WEG é uma das líderes mundiais no segmento de motores e geradores elétricos, além de ser uma das empresas nacionais com maior número de patentes e inovações registradas.

A melhor empresa de aviação civil se junta a melhor empresa de motores elétricos para garantir a produção de aeronaves elétricas que prometem fazer sucesso no mundo inteiro.

Embraer e Weg
Fonte da Imagem: Google

E para começar essa jornada, o modelo de testes escolhido para essa nova tecnologia é o avião Ipanema, um dos mais utilizados no segmento aeroagrícola.

Esse tipo de notícia prova que o setor aéreo vem crescendo bastante nos últimos anos e empolga aqueles que desejam buscar oportunidades de estudo e trabalho no ramo.

As vantagens da expansão no setor aéreo

Se você quer aproveitar este crescimento do setor de aviação civil, pode começar agora um curso na área e se preparar para as oportunidades que o mercado criará nos próximos anos.  As opções são as mais variadas e vão muito além dos tradicionais cargos de piloto e comissário de voo, principalmente agora com as novas opções que aeronaves elétricas podem criar.

Você pode fazer cursos de mecânica aeronáutica e trabalhar em oficinas fazendo a manutenção dos sistemas eletrônicos, propulsores e até mesmo pintura e reparos na fuselagem e itens diversos. Um mecânico de avião pode trabalhar em funções que vão desde a resolução de falhas elétricas nos computadores, até trocas de bancos e estofados. A gama de opções dentro desta profissão é enorme.

A expansão no setor aéreo e o aumento do número de pessoas circulando pelos saguões dos aeroportos, impulsionará o crescimento da quantidade de profissionais que fazem o primeiro atendimento aos passageiros.

As opções de trabalho são as mais variadas: atender os clientes no check-in, vender passagens, organizar as entradas e saídas dos passageiros, fiscalizar bagagens, dentre várias outras atribuições. Este tipo de profissional é de extrema importância, já que lida diretamente com o público, antes mesmo do embarque e, portanto, acaba se tornando a cara da empresa.

Neste cenário também será importante contar com uma equipe forte nos escritórios das cias aéreas. São necessários profissionais que façam o planejamento estratégico de malhas aéreas, analisando o mercado e seus clientes para definir as melhores rotas.

É preciso contar com uma equipe que gerencie os recursos internos, organize escalas de funcionários, tripulações e aviões. E ainda precisamos lembrar dos diversos profissionais que trabalham nos departamentos de carga, logística e, claro, os controladores de tráfego e diversos profissionais que trabalham para manter tudo em ordem e em segurança.

expansão no setor aéreo
Fonte da Imagem: Google

Decole sua carreira!

As recentes notícias de aumento na oferta de voos nos aeroportos brasileiros e a aposta da Embraer no desenvolvimento de aeronaves elétricas nos trazem boas expectativas para o futuro do setor aéreo, como já mencionamos anteriormente.

Portanto, se você deseja embarcar nesse avião e decolar sua carreira, pode aproveitar o momento para fazer um Curso Superior de Tecnologia em Transporte Aéreo oferecido pela AEROTD.

É possível começar agora mesmo, sem burocracia, estudando de forma semipresencial de qualquer lugar do país.

Além disso, neste curso, após 6 meses você já pode adquirir a terminalidade em comissário de voo, fazer a prova da ANAC e começar a trabalhar como tripulante em uma aeronave!

As oportunidades, como você pode ver, estão aí. Agora basta você querer embarcar nessa. Vamos?

Guilherme Santos é especialista em criação de conteúdo e marketing digital.
Trabalha como escritor freelancer e é apaixonado pela aviação desde o seu primeiro voo de Cesna no Flight Simulator 98.

Facebooktwitteryoutubeinstagram

Deixe uma resposta