Perspectivas de empregabilidade e legislação na aviação civil

A aviação civil no Brasil vem evoluindo ano a ano. Os avanços no setor são claros: o governo está permitindo a entrada de empresas e capital estrangeiro, a aviação regional está se expandindo, os números de voos e passageiros seguem crescendo e, dessa forma, aumentam as perspectivas de empregabilidade no meio aéreo.

Acompanhando essa evolução, temos também mudanças acontecendo na legislação da aviação civil, com o intuito de manter as leis atualizadas junto com as inovações e novas formas de trabalho que surgem neste mundo globalizado atual.

Perspectivas de empregabilidade: o futuro da aviação civil

A aviação sempre foi uma das áreas responsáveis por capitanear as evoluções tecnológicas, tanto que muitas delas foram introduzidas no dia a dia das pessoas. Essa evolução traz inúmeras vantagens. Hoje temos aviões muito mais seguros por conta das inovações tecnológicas empregadas.

Uma pesquisa da Boeing, divulgada em 2015, estima que até 2033 teremos mais de 42 mil aeronaves de passageiros e cargas voando pelos céus de todo o mundo. Isso representa o dobro do que existia em 2013.

Hoje o setor de aviação já representa mais de 30% do PIB na Europa e na América do Norte. Estes mercados estão aquecidos, em franco crescimento. Na América Latina a aviação representa apenas 6%, no entanto, nos últimos anos vem aumentando cada vez mais sua participação na economia.

Já somos um país exportador de pilotos e profissionais da aviação. E a tendência é crescer ainda mais esta demanda. O ICAO (Organização Internacional da Aviação Civil), estima que até 2036 o mercado ira precisar de mais de 500 mil novos pilotos para atender a demanda mundial.

pilotos de aeronaves em frente a avião
Fonte da Imagem: Google

Para dar conta disso, é necessário formar, desde já, 67 novos pilotos por dia. Uma árdua tarefa, se levarmos em conta os custos e demora para formar estes profissionais. Porém, algo animador para quem deseja ingressar neste ramo. As vagas estarão disponíveis, faltando apenas profissionais habilitados para preenche-las.

Evolução da legislação aérea

Outro item que precisa seguir em constante evolução é a legislação do meio aéreo. O Código Brasileiro de Aeronáutica (CBA) ainda é um pouco defasado, visto que foi criado na década de 80. De lá para cá diversas mudanças aconteceram e não estão previstas na lei.

Por exemplo, hoje temos mais de 1 milhão de drones, aviões não tripulados, pelo mundo todo. A cada dia que passa a tecnologia evolui e passarão a existir mais aviões controlados remotamente. Por isso, é necessário atualizar a legislação que versa sobre essas questões.

Um avanço importante foi a Lei do Aeronauta (13.475/17) atualizada recentemente e que cria o sistema de gerenciamento de risco de fadiga humana, que deve ser implantado ainda em 2020. Essa lei visa atualizar a legislação para a realidade atual da aviação, não permitindo que tripulantes trabalhem diversas horas seguidas, dia após dia, perdendo noites de sono, visto que isso influencia diretamente na qualidade de vida do trabalhador e, claro, na segurança do voo.

Lei do Aeronauta
Fonte da Imagem: Google

Outras duas atualizações recentes aconteceram na CLT (Consolidação das Leis Trabalhistas). Uma impede a terceirização na contratação de tripulantes e outra proíbe a execução de contratos intermitentes. Isso garante maior segurança para a aviação como um todo, visto que evita a precarização do trabalho, mantendo o alto padrão de excelência e segurança inerente à aviação.

A hora de ingressar em uma carreira no setor aéreo é agora!

Se você gosta dessa área e quer aproveitar esta expansão no setor aéreo, deve começar agora mesmo a se preparar.

Você pode ingressar em um curso superior de tecnologia em transporte aéreo da AEROTD, podendo estudar de forma semipresencial de qualquer lugar do país.

Além disso, neste curso, após 6 meses você já pode adquirir a terminalidade em comissário de voo, fazer a prova da ANAC e começar a trabalhar como tripulante em uma aeronave!

Se você deseja trabalhar em um setor em franco crescimento, não pode perder essa oportunidade. Comece a estudar agora e decole seu futuro!

A Fonte desta matéria pode ser acessada neste link: https://www.youtube.com/watch?v=jFuuHnt0e5E


Guilherme Santos é especialista em criação de conteúdo e marketing digital.
Trabalha como escritor freelancer e é apaixonado pela aviação desde o seu primeiro voo de Cesna no Flight Simulator 98.

Facebooktwitteryoutubeinstagram

Deixe uma resposta